É muito fácil perceber a diferença de jogos de hoje com jogos do passado, não importava qual o poder que o console ou PC tinha, o que importava mesmo era que jogo escolher, não sabíamos o que era Frame Rate, resolução gráfica ou a capacidade de processamento de um jogo, e essa era se estendeu por um tempo até os anos de 2005/2006, onde tivemos os lançamentos do Xbox 360 e Playstation 3.

Hoje em dia, disputas de capacidade de consoles e PC’s não são nenhuma novidade, resolução e quantidade de FPS são bases dessas disputas, e foi visando isso que o Projeto Scorpio foi apresentado ao publico na E3 2016.

Mais do que uma extensão da sua geração anterior, o Xbox Scorpio promete ser o console mais poderoso já visto, veja algumas das mais notáveis especificações:

  • Processador central (CPU): oito núcleos x86 com frequência 2,3 GHz
  • Processador gráfico (GPU): 40 unidades computacionais em 1.172 MHz
  • Memória RAM: 12 GB GDDR5
  • Disco rígido: 1 TB
  • Leitor de disco: Blu-ray 4K UHD

O comparativo com outros consoles:

Especificações do Projeto Scorpio

Phil Spencer, chefe da divisão Xbox garante que esse novo console será compativel com todos os jogos e aparelhos do Xbox One, e garante também que o preço não será “alarmante”. Ainda por cima houve pequenas alfinetadas no PS4 Pro como: “Real 4K Resolution” (Resolução 4K real).

Confira o vídeo da apresentação do Xbox Scorpio:

O lançamento está previsto para o segundo semestre de 2017. Sabemos que um console poderoso esta por vir, porém algumas pessoas se questionam (e tem razão enquanto a isso) sobre os títulos capazes de usar todo esse potencial.

De acordo com Mike Ybarra, a Microsoft quer reconquistar os desenvolvedores do novo Xbox, e Phil ressalta que os consumidores não precisam se preocupar com lançamentos de novos consoles a cada dois anos, o novo Xbox é uma extensão de seu antecessor, mas claramente vemos as diferenças e podemos dizer que sim, algo novo está para surgir.

DEIXAR UMA RESPOSTA